Portal Alcanede - Ao serviço da Comunidade

Tomo a liberdade de escrever algumas palavras sobre a importância do acto eleitoral que se avizinha, tendo sobretudo em atenção a relevância que a A.H.B.V.A tem nas populações das freguesias de Alcanede e Gançaria. Não querendo cair em frases gastas é no entanto incontornável falar na falta de interesse dos sócios pela vida associativa, que como todos sabemos não é um problema exclusivo das instituições da nossa terra.

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:10

Boa parte do ateísmo contemporâneo baseia-se na objecção enunciada com muita força no passado por J. E Sartre e retomada pelos seus discípulos: “Se Deus existe, eu não sou nada”. Se existe um Deus omnipotente, o que ainda sobra para mim? Essa presença ao meu lado do poder absoluto torna irrisórias todas as minhas acções. Diante do infinito, todo o finito torna-se irrelevante. Há muitas maneiras de enunciar o argumento.

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:11

Talita, Talita, olha a tanê taná. Era o Vítor a alertar o Carlos, ambos meus primos, para a chegada da camioneta da Ribatejana a Mata do Rei pela primeira vez, na década de 60. Dizia ele afinal «Carlitos, Carlitos, olha a carreira encarnada».

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:11

É com estas duas frases que o movimento cívico pela repavimentação da EN 361, gerado no fórum Portal de Alcanede, alerta os condutores para os perigos que é circular nesta via.

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:11

Como AMIGO, defensor, músico e sócio desta instituição, assisto com tristeza, ao desinteresse da população por esta CASA de cultura, onde tanto aprendi e hei-de continuar a aprender. Há cerca de 15 anos atrás, recordo-me dos ensaios de sexta-feira, sempre com grande afluência e interesse da população.

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:17

Por várias ocasiões e circunstâncias tenho sido chamado a resolver pequenos e grandes problemas, afinal isso faz parte da vida de todos nós, não fosse o descaramento da Eva ter comido a maça, oferecida pela serpente, isto era idílico. Estou mesmo a ver-me recostado no sopé de uma montanha maravilhosamente esculpida, mão dada com uma lindíssima mulher de parra nos genitais, e uma cascata de água límpida salpicando a minha pura face angélica.

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:17

Tem sido com enorme preocupação que tenho assistido ao deflagrar de um incêndio de proporções ainda por apurar e que não sei que tipo de consequências poderá ter dentro do quartel da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Alcanede. Sei que é uma situação com contornos semelhantes a muitas instituições do nosso país, mas o que a mim me incomoda, é ser em Alcanede.

Modificado em terça, 10 abril 2012 01:18