Portal Alcanede - Ao serviço da Comunidade

Direção da S.F.A toma posse em dia de Concerto de Ano Novo

Escrito por 

A cerimónia de tomada de posse dos novos órgão sociais da Sociedade Filarmónica Alcanedense (S.F.A) antecedeu, no passado dia 12 de janeiro de 2014, o tradicional concerto de Ano Novo da instituição que se traduziu em casa cheia, e que decorreu nas instalações da Associação Recreativa e Cultural de Alcanede.



O balanço dos últimos dois anos de atividade foi feito pelo reeleito Presidente da Direcção da S.F.A, que destacou a importância da aprovação de uma candidatura ao PRODER, que “permitiu fazer face a algumas despesas de remodelação do edifício sede da Banda”. Tratou-se, segundo José Antunes, de um investimento de cerca de 20 mil euros, comparticipado pelo IFAP em 11 mil euros, e que serviu também para “equipar a academia de música com 4 timpanos, 1 piano, 2 clarinetes, mesas e cadeiras, um quadro pautado e ar condicionado”.

O dirigente aproveitou a ocasião para recordar que estão em atraso vários valores protocolados com a Câmara Municipal de Santarém, sendo que alguns dos quais remontam ao ano de 2006. Regularizadas, em parte, estão já as transferências de verbas relativas aos protocolos de 2009 sendo previsível, “mais uma transferência de cerca de 6000 euros referentes aos protocolos de 2009 e 2010”, disse. O valor em causa faz parte de uma segunda tranche do PAEL – Programa de Apoio à Economia Local e deverá ser “regularizado durante o próximo mês de fevereiro”, admitiu o vereador António Melão, também presente na cerimónia.

Apesar do contexto de dificuldades, com apoio zero em 2012 e 2013, José Antunes deixou um desafio para o município de Santarém ao abrigo do regulamento de apoio ao associativismo, “pelo menos 2000 euros para cada banda, um valor que corresponde a 0,016% da execução orçamental do município, mas que corresponde a quase 10% da execução orçamental de uma banda. Temos para 2014 muitos projetos e sonhos, e gostávamos que as nossas autarquias fizessem-se parte deles”, afirmou o Presidente da S.F.A.

A cerimónia contou, entre outros, com a presença da Presidente de Junta Freguesia de Alcanede, Cristina Neves, que num breve discurso enalteceu o papel de divulgação da Sociedade Filarmónica Alcanedense, que em cada concerto, dentro e fora do país, “transporta o nome da sua terra, a identidade das suas pessoas e os valores culturais da região”, disse.

Fazem parte dos órgãos sociais da Sociedade Filarmónica Alcanedense, os seguintes elementos:

Assembleia Geral

Presidente - César Vieira Martins
Vice Presidente - Bruna Teresa Vicente Albino
Secretário - Jorge Manuel Carreira da Silva
Suplente - Edgar Manuel Barreiro Caetano
 

Direção

Presidente - José Anastácio Aires Antunes
Secretário - António João Batista Neto
Tesoureiro - José Fernando do Rosário Frazão
Vogal - Alfredo Manuel Frazão Batista
Vogal - Bruno Miguel dos Santos Simões
 

Conselho Fiscal

Presidente - Carlos Manuel Rafael da Silva
Secretário - António Alberto Dias Frazão
Relator - Jorge Manuel Duarte da Cruz
Suplente - Alfredo da Silva Nobre

O Concerto de Ano Novo

A Sociedade Filarmónica Alcanedense, dirigida pelo Maestro Alberto Lages, brindou o público presente, na Associação Recreativa e Cultural de Alcanede, com as seguintes interpretações musicais:

Andres Contrabandista – Pasodoble – Vila Joiosa 2012 (Oscar Navarro);
A Festive Overture (Alfred Reed);
Vasa (José suñer Oriola);
Around The World In 80 Days (Otto M. Schwarz);
Klezmer Classics (Johan de Meij).

Ver Fotos 
 

Lido 3950 vezes Modificado em terça, 14 janeiro 2014 00:23

pub

logo segurant

 

Logo sug
cozicarp