Portal Alcanede - Ao serviço da Comunidade

sexta, 08 junho 2018 01:24

Feira Medieval de Alcanede – Dois dias de história ao vivo

Escrito por 

A Feira Medieval de Alcanede começa esta sexta-feira, dia 8 de junho, pelas 16 horas com o Cortejo do Castelo ao centro histórico da vila.





A edição deste ano conta com mais um dia de atividades, uma novidade em relação a anos anteriores, “passamos de um para dois dias com os cortejos que serão verdadeiras aulas de história ao vivo”, revelou a diretora do Agrupamento D. Afonso Henriques.

“Temos vindo a construir um Projeto Educativo onde procuramos aliar a excelência académica à excelência humana pois é urgente formar uma nova geração que conheça e tenha orgulho e estima no seu património histórico-cultural”, salientou.

“Estamos todos envolvidos, alunos, funcionários, professores e também, pais que se preocupam em colaborar com a oferta de produtos e a preparar todos os trajes da época para os seus filhos”, disse ao Portal de Alcanede, Helena Vieira.

“Fumeiro, taberna, sopa, produtos da horta e animais, pão, doces conventuais, bolos fritos, queijos, plantas medicinais, fumeiro, bebidas espirituosas, espaço museológico, ofícios, panos, artesanato, scriptorium e Leitura de Sina”, são as tendas que o público poderá visitar.

No espaço dedicado às comidas e bebidas vão estar envolvidas cerca de 40 pessoas, desde assadores e serventes de mesa.

A organização do evento que pertence ao Agrupamento de Escolas D. Afonso Henriques pretende recuar no tempo ao Anno Domini de 1163, recriando-se a Visitação D’el Rey D. Afonso Henriques ao termo de Alcanede, em concreto a doação do poder temporal ao Alcaide-Mor D. Gonçalo Mendes de Souza e a jurisdição eclesiástica e espiritual a D. João, 2º Prior do Mosteiro de Santa Cruz de Coimbra. Será ainda lida uma Carta de Feira concedida por D. Afonso Henriques ao lugar de Alcanede.

“Encontramo-nos preparados para este momento de verdadeiro regresso ao passado local que tanto nos diz e que queremos incutir nos nossos alunos desde a mais tenra idade”, reconhece Helena Vieira que espera contar com condições atmosféricas favoráveis, “o tempo está a revelar-se muito instável e isso dificulta as atividades”.

feira 01feira 02ARQUIVO VIDEO

Vídeo

Lido 1004 vezes Modificado em sexta, 08 junho 2018 01:41

pub

logo segurant

 

Logo sug
cozicarp